Mad Max: Estrada da Fúria (2015)

MAD MAX: FURY ROAD

Fui assistir Mad Max com poucas informações na cabeça (a Charlize Teron está de cabelo raspado e “cara, o filme é muito bom”, basicamente) e para completar a minha meta de assistir o máximo de filmes indicados ao Oscar desse ano. Já consegui (e tem crítica!) Carol e O Regresso e agora venho a vocês com Mad Max: Estrada da Fúria. Se comecei a ver o filme perdida, sem noção nenhuma da história, depois de trinta minutos de filmes, deixei de tentar entender e segui em frente. Hã? Eu explico.

Max é um homem atormentado por um passado trágico – que não é bem esclarecido para o espectador – em um futuro pós-apocalíptico, onde a Terra é cada vez mais tomada por areia, fome e desolação. A região em que Max se encontra é dividida em povoados e ele se põe em problemas ao ficar próximo demais dos meia-vidas. Aprisionado e utilizado como bolsa de sangue, Max vê uma boa oportunidade para fugir quando Nux, seu “mestre” do momento, vai atrás da Imperatriz Furiosa, uma das servas do líder Immortan Joe, que foge com as suas esposas parideiras sob o pretexto de conseguir mais combustível no Vale da Gasolina.

Mad-Max-Estrada-da-Fúria-Cena-3-1021x561FURY ROAD

Ok. Respira. A sinopse já é complicada – e foi complicada para escrevê-la também – então, imagina assistir a esse filme sem ter ideia, nem uma pista mesmo, sobre o que se tratava. Essa foi a minha aventura. Depois de alguns minutos tentando entender aquilo tudo que me era mostrado, desisti e resolvi só me deixar levar pela história. Esta exalava estilo, dificuldade e, bom, poeira. Seus momentos de adrenalina guiam o espectador de maneira surreal de tão atraentes e bem feitos.

FRD-09299.JPG

O filme transborda de efeitos visuais incríveis e perseguições em alta velocidade que colocam o público em êxtase. Além disso, é preciso comentar e elogiar Charlize Theron nesse filme. Ela trouxe uma Furiosa forte, determinada, persistente e heroica em uma comunidade onde as mulheres não podiam ser assim, só poderiam responder ao Immortan Joe aceitando tudo o que este mandava. Por isso, entendo o porquê de algumas reclamações sobre a perda do brilho de Tom Hardy, ou melhor do personagem que da nome ao filme, Max. Furiosa é uma personagem muito mais forte e interessante. Contudo, continuações para esta nova leva desse clássico de ação dos anos 1980 são esperadas. O que nos resta é torcer para que possamos entender melhor quem é Max, o que o trouxe até ali, e, claro, o destino da Imperatriz Furiosa. What a lovely day.

posterFicha Técnica:

Título: Mad Max: Estrada da Fúria | Diretor: George Miller | Elenco principal: Tom Hardy, Charlize Theron, Nicholas Hoult | Indicações ao Oscar: Filme, Diretor, Mixagem de Som, Edição, Edição de Som, Direção de Arte, Fotografia, Maquiagem, Figurino e Efeitos Visuais | Ano: 2015 | Classificação: 4,5 estrelas | Adicionar ao: FilmowLetterboxd

Siga o blog nas redes sociais:

Facebook ♦ Twitter ♦ Instagram ♦ Tumblr ♦ Skoob Goodreads ♦ Filmow

Anúncios

2 comentários em “Mad Max: Estrada da Fúria (2015)

  1. Confesso que meu estilo de filmes, está mais voltado para “mulherzinha”, como diz o meu irmão, mas ultimamente decidi sair da zona de conforto, com filmes e livros. Depois de muita insistência do meu namorado, decidi assistir ” Max Maluco”, como ele diz, e não dormi durante a exibição ( palmas para mim). Não sei se vi demais, mas achei o filme extremamente critico, e atual, embora seja uma refilmagem. Me pareceu insano e desesperador, porém, quando penso em tudo que tem acontecido atualmente, me parece extremamente sensato. Concordo plenamente sobre o destaque e a força da personagem de Charlize Theron, embora o Tom também seja incrível. Por fim, achei que valeu a pena assistir e forçar a minha mente já muito louca, a entender toda a história que envolve o filme.
    Beijos!

    Curtir

O que achou?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s